1. Help Center
  2. Português - Suporte
  3. Informações sobre as tarefas de transcrição

O que são transcrições e para que são utilizadas?

Existem dois tipos diferentes de transcrições de áudio para texto, a transcrição literal, também chamada full verbatim, e a transcrição natural, também chamada clean verbatim ou intelligent verbatim. Aqui contamos para você as diferenças:

Transcrição literal ou Full verbatim: é aquela em que tudo o que é falado no áudio é transcrito com total exatidão. Repetições, gagueira, interjeições ou risos não são excluídos, inclusive devem ser escritos os marcadores conversacionais como "mm", "eee". Através deste estilo pode-se captar a entonação da conversa, se há dúvida ao falar ou responder a uma pergunta, se a fala se produz de maneira adequada ou incorreta. A transcrição literal é útil para investigações, análises médicas, julgamentos ou tribunais, atendimento ao cliente, etc.

Este estilo é o utilizado na Atexto.

Transcrição natural ou Clean verbatim: é aquela em que a gagueira e as repetições são omitidas, tentando garantir que o que é transcrito seja igual ao que se diz, mas o mais limpo possível. Nesse estilo, uma leve recomposição da ordem sintática é feita e a concordância e erros gramaticais cometidos pelo interlocutor são corrigidos. A compreensão do texto deve ser facilitada. As transcrições com essas características geralmente são feitas onde as informações são tratadas de forma lógica, como artigos de jornais, estatísticas, pesquisas, acadêmicos, etc.