1. Centro de Ajuda
  2. Guia para completar tarefas
  3. Dúvidas de gramática para tarefas: "Eu gosto de transcrever"

Pra ou para a?

Na língua portuguesa existem muitas contrações, que são reduções em combinações entre preposições e artigos. Pode ser tanto para os artigos definidos e indefinidos. Quando usá-las?

No caso que queremos explicitar, pois ocasiona dúvidas na hora de escrever, é quando usamos “pra”, “pro”, “pras”, “pros” e quando usamos “para a”, “para o”, “para as”, “para os”?

A norma culta estabelece que em textos escritos devemos optar pela forma "para". A exceção é para textos especiais (letra de música, poemas, frase de publicidade, cartas pessoais, e-mails), onde podemos usar o “pra” se quisermos. Na fala, aceita-se o uso da forma "pra".

Viajo para a Argentina por motivos de trabalho. (texto formal, escrito)

Cheguei pro aniversário do meu filho. (texto informal, fala)

Atenção:

É muito comum na fala as pessoas usarem a contração, quando ela não existe.

Na fala é comum escutar: Eu preciso desse texto pra ontem.

Em vez de : Eu preciso desse texto para ontem.

Nesse caso a contração não é necessária, pois não há um artigo depois da preposição.